Tria

fruição, interação e criação para adultos e crianças

dança contemporânea para todos os corpos

TRIA é um desenvolvimento dos princípios que geraram a série de espetáculos COREOLÓGICAS concebidos e dirigidos por Isabel Marques e reafirma os princípios e a concepção original da diretora: espetáculo composto por proposições cênicas (coreografias) que convidam e estruturam a participação do público; possibilidade de apreciação estética e de participação crítica e criativa para o público.

Em TRIA, permanece o princípio da interação com o público por meio da apreciação e criação, mas acrescido da ideia de recriar com os corpos o espaço cênico e os diálogos em dança com as coreografias.

Leitura participativa por parte do público, levando à partilha estética e à educação por meio da arte. Apreciação de dança se transformando em aprendizado e criação corporal. Em TRIA, ampliou-se o espaço do público colocando-o em cena durante todo o espetáculo, o público é a própria cena.

TRIA, coreografias dançadas por três bailarinos propondo a participação do público na recriação e modificação do espaço cênico, participação propostas para trios que se transformam em participação coletiva.

TRIA convida todos os corpos a apreciar, a dançar e a contextualizar a dança em sociedade, explorando as relações entre a dança contemporânea e as possibilidades de educação em arte por meio do espetáculo.

TRIA é o que foi triado na corruptela de trilha, é cria das tríades e dos triângulos; algo trial, trilado, triarticulado; um triálogo com o feminino de trio

TRIA – do Caleidos Cia de Dança
direção: Isabel Marques e Fábio Brazil
com: Katia Oyama, Nigel Anderson e Renata Baima


contatos:
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

telefone: (11) 3021 4970
celular: (11) 97143 9189

Voltar ao topo